quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Se eu ficar (Se eu ficar #1)

Título original: If I stay
Autor: Gayle Forman
Nº de páginas: 211
Preço: 12,51€
Editora: Editorial Presença
"Naquela manhã de Fevereiro, quando Mia, uma adolescente de dezassete anos, acorda, as suas preocupações giram à volta de decisões normais para uma rapariga da sua idade: permanecer junto da família, do namorado e dos amigos ou deixar tudo e ir para Nova Iorque para se dedicar à sua verdadeira paixão, a música. É então que ela e a família resolvem ir dar um passeio de carro depois do pequeno-almoço e, numa questão de segundos, um grave acidente rouba-lhe todas as escolhas. À medida que os paramédicos a transportam dos destroços quase irreconhecíveis do automóvel para o hospital e a tentam reanimar, Mia nada mais pode fazer senão observar toda a cena, de fora do seu corpo. Nas vinte e quatro horas que se seguem e que para ela talvez sejam as últimas, a jovem avalia o passado, pondera sobre o que é verdadeiramente importante e, confrontada com o que dá sentido à vida, tem de tomar a decisão mais difícil de todas."


Opinião
Quando este livro me veio parar às mãos, a primeira coisa que eu pensei foi: "porque és tão pequeno?". Mas se é pequeno em tamanho, é sem dúvida grande em conteúdo.

Mia era uma adolescente normal, amante de música e praticante de violoncelo. As grandes decisões que Mia tem de tomar é entre escolher os seus amigos, namorado e família ou entre a sua paixão. Mas num dia frio de inverno, Mia e a família saem de casa para dar um passeio e sofrem um acidente, que acaba por roubar todas os sonhos e esperanças da jovem.

Em primeiro lugar gostava de dizer que o facto da personagem principal viver um experiência extracorporal é muito fixe!!! A história é contada quase toda por analepses. Mia reflete sobre a sua vida e à medida que aquele dia interminável passa, Mia vai-nos dando a conhecer a sua história de vida.

Os aspectos positivos do livro são, para mim, o facto da história de Mia não ser nada de extraordinário, pelo contrário. Mia é uma adolescente normal, com uma vida normal, uma família meio doida mas que adora do fundo do coração. Os pequenos episódios que a personagem nos vai contando podiam perfeitamente ter acontecido connosco e é isso que torna o livro real. Pois para ela, esses episódios são as suas memórias e o que a faz duvidar entre ir ou ficar neste mundo. Afinal, a vida dela mudou para sempre e não há nada que ela possa fazer para o alterar. O segundo aspecto foi a presença relevante da música. Para os amantes desta arte, como eu, é bom saber que há alguém (nem que seja uma personagem fictícia) que sente o mesmo quando nos deixamos envolver pela música.

Um livro brilhante que nos deixa a pensar sobre o que realmente nos prende neste mundo.

Citações
"E o barulho foi muito. Uma sinfonia de trituração, um coro de estouros, uma ária de explosões e, por fim, o triste aplauso do duro metal a cortar as árvores. Então, tudo ficou em silêncio, a não ser um pormenor: a Sonata nº3 para Violoncelo de Beethoven, que continua a tocar. O rádio do carro devia estar ligado a uma bateria qualquer e, assim, Beethoven continua a ser transmitido para aquela que voltava a ser uma tranquila manhã de Fevereiro."

"Volto-me para trás e afasto-me. Isto não é justo. Isto não pode estar a acontecer. Somos uma família que vai dar um passeio. Isto não é verdade. Devo ter adormecido no carro."

"Assim, só quando recebi o grosso envelope gravado com o emblema da Juilliard com uma carta que me convidava a participar numa audição é que resolvi contar a Adam que me tinha candidatado. Expliquei-lhe que muitas pessoas não chegavam sequer àquele ponto. A princípio pareceu ficar aterrorizado, como se não conseguisse acreditar no que lhe estava a dizer. Depois ofereceu-me um sorriso triste."

"- Por isso, queria apenas dizer-te que compreendo se fores. Não faz mal se tiveres de deixar-nos. Não faz mal se tiveres de parar de lutar."

Personagens
  • Mia
  • Adam
  • Teddy
  • Mãe
  • Pai
  • Henry
  • Willow
  • Avó
  • Avô
  • Kim

Excerto
Lê aqui um excerto do livro.

Adaptação

A minha opinião no Goodreads: Se eu ficar
 5*

Sem comentários:

Enviar um comentário