sexta-feira, 13 de maio de 2016

Quando a neve cai

Título original: Let it snow
Autor: John Green, Maureen Johnson e Lauren Myracle
Nº de páginas: 317
Preço: 16.81€
Editora: Topseller

"Numa cidade isolada por uma das maiores tempestades de neve dos últimos cinquenta anos, três histórias, oito raparigas e rapazes e mais uns quantos caminhos vão cruzar-se num romance brilhante, mágico e divertido, a que não faltarão fragmentos de amor, laços de amizade, uma maratona de filmes do James Bond e beijos muito apaixonados."








Opinião
O Natal já passou há alguns meses, mas aqui como A Terra dos Livros tem andado um pouco ocupada com a sua nova vida, só agora é que vou finalmente dar a minha opinião acerca deste maravilhoso conto de Natal.

Como a maior parte das pessoas já sabe, este livro é constituído por três contos de diferentes autores, Maureen Johnson, Lauren Miracle e, o autor que me fez realmente apostar neste livro, John Green. Assim, os três autores juntaram-se e trouxeram até nós uma obra de arte espetacular que me entreteu durante todo o tempo que o li.

Então, descrevendo rapidamente a história, tudo começa quando uma horrível tempestade de neve acaba por isolar uma pequena cidade, fazendo com que um comboio que circulava naquela altura ficasse preso. Assim, Jubilee, uma jovem que estava a caminho da casa dos avós depois dos pais terem sido presos na véspera de Natal, é obrigada a atravessar a horrível tempestade para se deslocar até a uma Waffle House aberta para fugir às detestáveis Chearleaders que também viajavam no mesmo comboio. É aqui que Jubilee vai conhecer Stuart, um rapaz que acaba por passar por um desgosto de amor, mas que não hesita em ajudar Jubilee quando esta se vê sozinha numa cidade que não conhece e sem ninguém para a apoiar.

Algumas horas mais tarde, Tobin, JP e a amiga Duke estavam a fazer uma divertida maratona de filmes do James Bond, quando o seu amigo Keun, o empregado da Waffle House lhes liga a dizer que 14 Chearleaders vão passar a noite da véspera de Natal no seu humilde estabelecimento. Assim, os dois rapazes e Duke, que vem por arrasto, acabam numa corrida contra o tempo para conseguir chegar à Waffle House antes dos irmãos Timmy e Tommy Reston.

Uns dias mais tarde, a jovem Addie encontra-se a deprimir no seu quarto depois de ter acabado com o namorado, Jeb, após tê-lo traído. Addie sente-se miserável e  não sabe o que fazer para se alegrar, até que um porco minúsculo se torna a sua única hipótese de manter a amizade que tem com Tegan e Dorrie.

Uma das coisas que mais me agradou neste livro foi sem dúvida o facto de todas as histórias se interligarem. Apesar dos protagonistas se alterarem de conto para conto, a verdade é que as outras personagens não deixam de estar presentes e de desempenharem um papel importante para o desfecho.

Na minha modesta opinião, o conto que mais gostei foi o primeiro, escrito por Maureen Johnson. Não é que não tenha gostado dos outros, mas este foi aquele que me deixou a suspirar por mais aventuras de Jubilee e Stuart.

Relativamente às personagens, acho que gostei de todas, principalmente de Tobin, JP, Duke e Keun, uma vez que me fizeram soltar imensas gargalhadas. Aquela que talvez não tenha gostado lá muito foi a Addie. Achei-a um pouco egoísta e melodramática, só se importando com os seus problemas e achando que nada à sua volta era mais importante do que o seu desgosto de amor.

Por fim, gostaria apenas de acrescentar que aconselho este livro a todos os que adoram o Natal, pois é com certeza uma leitura que não vão querer perder. Um daqueles livros para ler à lareira com um chocolate quente ao nosso lado.

Excerto
Podes ler aqui um excerto deste livro

5*

Sem comentários:

Enviar um comentário