segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Lago Perdido

Título original: Lost Lake
Autor: Sarah Addison Allen
Nº de páginas: 275
Editora: Quinta Essência

"Suley, Georgia, é o lugar da estância de Lago Perdido e não muito mais. E é por isso o lugar perfeito para a recém-viúva Kate e a sua excêntrica filha de oito anos, Devin, se curarem. Kate passou um memorável verão de infância em Lago Perdido, teve o seu primeiro quase beijo aí e conheceu um rapaz chamado Wes. Era um lugar para sonhar. Mas Kate já não acredita nos sonhos, e a sua tia Eby, proprietária de Lago Perdido, quer vender o lugar e seguir em frente. A magia do local desapareceu. Quando Kate descobre que o tempo tem uma maneira de parar em Lago Perdido, irá ela ser capaz de dar vida às cabanas e ao seu coração? Porque às vezes as coisas que amamos têm uma forma engraçada de aparecerem de novo. E às vezes nem sequer sabemos que estavam perdidas... até serem encontradas."

Opinião
Lago perdido conta a história de três mulheres da mesma família, movidas por uma força extraordinária. Kate é uma jovem mulher que acaba de passar por uma das maiores provações da vida: o marido faleceu. Kate mergulha numa espiral de tristeza e sofrimento e deixa de controlar a sua vida. Já Devin, a pequena filha de Kate, é uma menina muito especial. Gosta de se vestir de uma maneira extravagante e detesta que reprimam a sua imaginação. Já Eby, a tia avó de Kate e dona da estância Lago Perdido, está cansada da decadência em que se encontra o seu projeto de vida. Decide vendê-lo, mas a sua vida pode mudar no momento em que Kate e Devin aparecem em Lago Perdido vindas do nada. As três mulheres vão ter que aprender a lidar com as mudanças da vida, ao mesmo tempo que a magia de Lago Perdido pode ajudar a curá-las.

Com a sua escrita de fantasia, Sarah Addison Allen consegue descrever-nos um cenário mágico de um local imune ao tempo, embora esteja degradado e com poucas condições. Também as cenas passadas em Paris estão muito boas e conseguem mesmo transmitir a atmosfera de romance.


Durante a história temos algumas situações caricatas e algumas personagens divertidas, como os habituais clientes da estância que voltam depois de saber que Lago Perdido está prestes a ser vendido. Para além destas personagens, ainda temos Lisette, uma mulher muda que Eby salva da morte na sua lua-de-mel. Desde esse momento que as duas se tornam inseparáveis e tem-se apoiado nos momentos mais difíceis das suas vidas. Por fim, temos Wes, um rapaz com quem Kate partilhou um verão inesquecível. Quando os dois se voltam a encontrar, os sentimentos que nutrem um pelo outro voltam à superfície.


Gostei bastante da personagem da Devin. Achei-a uma menina muito caricata e com uma personalidade muito forte. Já quanto à Kate, achei-a um pouco apagada. Uma personagem envolta numa esfera depressiva provocada pela morte do marido que tanto ama.


No que toca à história em si, penso que foi um pouco lenta. A ação desenvolve-se lentamente e no final, acontece tudo demasiado rápido. Também não gostei muito do fim, acho que foi um pouco duvidoso.


Para acabar, gostaria de referir que um dos temas mais importante neste livro é a família. O apoio daqueles que nos amam por vezes é fundamental para recuperar a alma e está bem representado neste livro.


Excerto
Lê aqui um excerto deste livro
4*

Sem comentários:

Enviar um comentário